Antídoto Itaú Cultural

DSCF2919

Sexta 19 a domingo 21 de junho 20h apresentação da peça A Mulher Asfalto A atriz e diretora moçambicana Lucrécia Paco, cofundadora do grupo de teatro Mutumbela Gogo, dá voz às mulheres excluídas e caladas pela sociedade.

Aqui, uma prostituta rompe o silêncio e fala sobre a comercialização de seu corpo, denunciando os maus-tratos inerentes à sua profissão. O espetáculo conta com trilha sonora de Cheny Wa Gune, músico e cofundador do Timbila Muzimba, uma das bandas mais ativas de Moçambique.

imagepp

Classificação etária: 16 anos Lucrécia Paco é atriz, diretora e cofundadora do grupo Mutumbela Gogo/Teatro Avenida de Maputo, de Moçambique.

Adaptou e dirigiu Niketche , de Paulina Chiziane, e último Voo do Flamingo , de Mia Couto. Participou de festivais de teatro na Tanzânia, no Malaui, na China, em Botswana, em Djibouti, na França, na Espanha, na áustria e na Suécia.

Antes de cada apresentação, a poeta pernambucana Micheliny Verunschk realiza a leitura deste manifesto.

images

Anúncios